Tiragem de Afrodite

Uma tiragem de amor...

Não rara é a vez em que nos deparamos com a necessidade de analisar um relacionamento e conselhos para a sua harmonização e orientação. Todos sentimos amor, e o amor é grandemente o nosso maior criador de obstáculos na vida!

Afrodite é a deusa do amor, da beleza e da sexualidade na mitologia grega. Sua equivalente romana é a deusa Vénus. Historicamente, seu culto na Grécia Antiga foi importado, ou ao menos influenciado, pelo culto de Astarte, na Fenícia.

Tem então toda a lógica que uma tiragem que pretende analisar um relacionamento amoroso entre duas pessoas tome o seu nome e imite a forma do tetrápilo (na imagem) que serve de porta ao Templo de Afrodite e à cidade de Afrodísias (Turquia).

Esta tiragem faz a ‘fotografia’ do relacionamento colocando em cada lado da ‘porta do amor’ uma das partes e encimada pelo conselho harmonizador ou energia do casal.

Antes da tiragem observe com cuidado os dados pessoais de cada um dos lados em questão e decida qual das partes ocupa qual coluna da tiragem. Para fazer a tiragem, enquanto baralha, imagine que está na presença de ambos tentando imbuir o seu baralho com a sua energia e personalidade. Comece a estender as cartas, da forma que habitualmente e intuitivamente costuma fazer, seguindo o posicionamento abaixo.

 

 

O significado das posições...
  1. Plano Mental Pessoa A: Esta é a posição que mostra o que cada uma das partes pensam da relação e qual o seu processo mental quanto ao seu actual estado, podendo indicar a forma como a racionalizam ou alertar para prováveis questões mentais de elevado interesse para o casal.
  2. Plano Emocional Pessoa A: Esta posição revela-lhe detalhes emocionais de cada uma das partes, a sua posição afectiva, o sentimento que nutrem um pelo outro, podendo indicar a forma de solucionar problemas afectivos do casal.
  3. Plano Sexual Pessoa A: Nesta posição pode encontrar a ligação física, carnal e sexual de cada um para com o outro. Este plano é de grande importância por delimitar a atracção entre os dois e a qualidade do empenho de cada um no relacionamento. Esteja atento a alertas nestas posições.
  4. Plano Mental Pessoa B: Esta é a posição que mostra o que cada uma das partes pensam da relação e qual o seu processo mental quanto ao seu actual estado, podendo indicar a forma como a racionalizam ou alertar para prováveis questões mentais de elevado interesse para o casal.
  5. Plano Emocional Pessoa B: Esta posição revela-lhe detalhes emocionais de cada uma das partes, a sua posição afectiva, o sentimento que nutrem um pelo outro, podendo indicar a forma de solucionar problemas afectivos do casal.
  6. Plano Sexual Pessoa B: Nesta posição pode encontrar a ligação física, carnal e sexual de cada um para com o outro. Este plano é de grande importância por delimitar a atracção entre os dois e a qualidade do empenho de cada um no relacionamento. Esteja atento a alertas nestas posições.
  7. A Relação: Esta posição liga as duas colunas com uma espécie de prognóstico para o relacionamento, indicando provavelmente que há coisas que devem ser alteradas mediante as posições anteriores. Funciona como o fiel da balança indicando conselhos, orientações e alertas quando contraposta com cada um dos planos em cada uma das partes.

 

Amor é fogo que arde sem se ver; / É ferida que dói e não se sente; / É um contentamento descontente; / É dor que desatina sem doer;
Luíz Vaz de Camões

Deixar um comentário