JULGAMENTO, Vigésimo Arcano Maior

28 Abril, 2015
por Erinna Iara
A Lâmina

Chamam-lhe O Julgamento (Judgement), Juízo Final, Eon, Renascimento em vários e diferentes baralhos. u

O Julgamento é o Vigésimo Arcano Maior do Tarot. Pode-se tirar a mensagem bíblica literalmente: Hoje é o Dia! Todos os dias a tarefa é a mesma: acordar e mobilizar todas as nossas energias, e isso significa: enterrar definitivamente o que está morto e receber a luz do que está para vir.

As primeiras representações do Juízo Final remontam ao ano mil, aproximadamente, mas alcançaram a perfeição nos séculos XII e XIII, nas catedrais. Conhece-se apenas um exemplo anterior a estas datas: trata-se de um baixo-relevo em marfim (Tours, c. 800). Em todas essas imagens, os mortos surgem inteiramente nus dos seus túmulos, o que seguramente foi tomado de fontes tradicionais (o Livro de Jó; a carta de São Columban a Hunaldus – ano 615; o opúsculo Desprezo do Mundo, de Inocêncio III – cerca de 1200).

Nesta carta, uma força maior que si mesmo (muitos associam a uma divindade) está a guiá-lo e a chamá-lo. O Julgamento não é simplesmente no que toca à sua própria vida, mas na verdadeira natureza da nossa existência e como nós e todos os seres fazem parte disso, o que algumas religiões consideram de O Plano Divino.

Em leituras, esta carta pode lhe relembrar que julgamentos são necessários. Por vezes há que decidir. Nesses momentos é melhor analisar com muito cuidado o depois comprometer-se sem censura. Se está a ser julgado, aprenda com o processo, colha os frutos do aprendizado, corrija o que precisa ser corrigido, mas nunca se desvalorize.

 

A Manifestação

Geralmente esta carta é interpretada como entusiasmo, exaltação emocional, intensidade dos sentimentos, espiritualidade, capacidades ocultas, dom de adivinhação, actos prodigiosos, medicina milagrosa, santidade, doação, renovação, nascimento, retorno de assuntos do passado ou a sua actualização, recados, propaganda, partidarismo, apostolizado, estar sujeito à avaliação de outros ou ser julgado pelas suas acções.

Basicamente, pode ser interpretada como: você está sujeito a forças fortes e estas são suas para manejar ou dominar. As suas tarefa e oportunidade são de resolver e transformar durante a sua vida.

Desejos inerentes, medos e culpabilização dos outros e de si mesmo têm de ser trabalhados uma e outra vez até que o passado fique onde pertence para que se possam construir alicerces para o futuro. Só assim acontecerá um renascimento verdadeiro do qual poderá tirar proveito para a sua vida, em vez de uma repetição exaustiva do passado.

Esta carta surge normalmente em leitura quando chega a altura de abraçar o nosso chamamento superior. Quando estamos numa encruzilhada, é tempo de nos elevarmos e transformarmos a nós próprios para podermos transfigurar a nossa vida. Devemos fazê-lo com honestidade a nós mesmos, com a capacidade de auto-avaliação e julgamento para podermos avançar para uma vida arquitectada e desejada por nós.

As significâncias e simbologias

A simbologia do Julgamento é extremamente importante para um maior entendimento desta carta. Passemos então à sua análise.

A Bíblia não só enfatiza expulsão de Adão e Eva do Paraíso, como também menciona o regresso deste no Dia do Julgamento. Esta passagem não é muito conhecida, mas faz parte da crença Cristã e nesta carta, principalmente na versão Rider Waite e noo Bsralho de Marselha, contem um enorme peso religioso. A linguagem corporal figuras pode ser interpretada como um gesto para despedida ou reconciliação.

Ambas são importantes aqui pois uma linha tem que ser definida entre o que já foi, o passado, e o presente. Esse passado é representado pelos esqueletos que são “postos fora”. As seis pessoas representadas na carta podem ser uma família, um grupo ou amigos.

Todas essas figuras são representações das partes (positivas e negativas) feminina, masculina e infantil de cada um e isto apele à clarificação. A nudez é um aviso à falta de pudor e à frieza humana. É um encorajamento a lidar com a verdade “nua e crua”. Representa a honestidade, a abertura, a beleza e a verdade.

A trombeta com sete listras é uma alusão à Sétima Trombeta, a Trombeta do Dia do Julgamento que desperta energias e traz os mortos de volta. Isto significa que você também pode usar esses poderes na sua vida. As sepulturas abertas revertem para, em sentido negativo, o regresso do que estava suprimido (desejos, medos) pois esses problemas não foram solucionados no passado; e em sentido positivo, o levantamento e desaparecimento misericordioso desses mesmos problemas. O anjo pode ser uma representação da figura divina ou de si próprio. Ele representa o seu poder de motivação e transformação. Ele avisa para crenças dispensáveis e sem sentido.

Em resumo, esta carta é inspiradora pois indica que energias divinais (ou a própria pessoa, dependendo da interpretação) estão em movimento para nos assistirem numa vida nova, fresca, maravilhosa e à nossa medida.Numa interpretação mais religiosa, mas que servirá como uma analogia mais simplista, é como Jesus Cristo que foi ressuscitado para uma nova fase da vida em exemplo para nós podermos nos transforma e avançar para uma nova maneira de viver. ç

(mais detalhes no nosso livro Iluminados 78 Vezes disponível brevemente)

 

  • Julgamento
  • Renascimento
  • Chamamento interior/espiritual
  • Absolvição
  • Auto duvidar-se
  • Negação de auto-exame
  • Falta de Auto-Aceitação

u

Seleccione para significados específicos:

Como carta do dia!

Faça a escolha. Reconcilie ou receba as consequências e siga em frente.

Como Prognóstico!

Tudo é importante. Fez escolhas no passado e agora pode fazer outras e novas e escolher qual caminho tomar.

Como análise amorosa!

O alívio após uma confissão, dialogar no intuito de solucionar problemas, uma declaração de amor…

Como um evento!

O alívio após uma confissão, dialogar no intuito de solucionar problemas, uma declaração de amor…

Como aviso!

Ofereça-se uma mudança de rotina. Seleccione alguns princípios e visões para se guiar que se adeqúem às suas necessidades e experiências. Tem uma reserva de energia enorme!

Erinna Iara

Sobre

Gosto de ser um mistério, e por isso estudo os mistérios que me rodeiam!

1 comentário

  1. |

    Gostaria de ler sobre os outros arcanos, (escritos por Erinna) percebi muita perspicácia a detalhes e situações que me ajudaram muito. Parabenizo pelo texto, claro e objetivo……continuo interiorizando e analisando.

Deixar um comentário