As seis formas de harmonizar relacionamentos com o Tarot

Quão maravilhosa é a sensação de estar rodeado de pessoas que o amam verdadeira e incondicionalmente?

Por vezes as relações fluem de forma tão harmoniosa que nos faz desejar que esse sentimento perdure dentro de nós por uma eternidade.
Há, contudo, outras alturas em que essas relações se tornam turbulentas, desafiantes, monótonas ou até amargas e cheias de ressentimento, devido ao mútuo desentendimento, fazendo reter internamente muita negatividade.

Ora, o Tarot pode ser um meio de limpar toda essa energia densa, promovendo a fluidez e a harmonia das relações interpessoais, libertando pesos e construindo-as de forma a que sejam fonte de alegria na sua vida.

Mas como?

  • Seja o melhor de si

Qualquer forte relação começa consigo. Tentar estabelecer uma relação sentindo-se vazio ou insatisfeito com a pessoa que é, esperando que o outro possa reverter esses sentimentos, trará inevitavelmente dificuldades.
Comece por si! Se deseja harmonia, seja-a. Se anseia por amor, ame-se.
Consulte as lâminas de forma a perceber como pode trazer o melhor de si para a relação.

  • Liberte-se

Perante a experiência de dor ou desilusão em contexto de relação é essencial encontrar uma forma de libertação para que a relação possa crescer de forma positiva e construtiva.
O primeiro passo consiste em identificar o elemento que está a bloquear o progresso da relação, onde o Tarot pode ser muito útil como ferramenta exploratória.
Também no passo seguinte pode contar com a ajuda das lâminas, nomeadamente na procura da forma de se libertar desses bloqueios.

  • Respeite as necessidades mútuas

06Todos temos diferentes necessidades e expectativas para determinada relação, seja ela um romance, uma amizade ou até uma relação profissional. A compreenção das necessidades do outro, de forma a que possam ser respeitadas e honradas, é essencial, tão essencial como a reflexão sobre as suas próprias necessidades. O desconhecimento das necessidades pessoais pode fazer com que se criem expectativas irrealistas relativamente ao parceiro, levando a desilusões e tensão.
Mais uma vez, o Tarot pode constituir uma fonte de resposta na descoberta das necessidades envolvidas, assim como dos acordos que necessitam de realização para harmonizar a relação.

  • Comunique abertamente

Garantir fluidez numa relação passa pela conjunção do investimento de ambos os elementos envolvidos de forma a que não se torne unidireccional. Pergunte às lâminas que estratégias poderá precisar de delinear.
A comunicação é a chave de uma relação harmoniosa. Para tal, esta quer-se honesta, autêntica, aberta e apaixonada. Sem ela, a quebra e a separação são inevitáveis. O Tarot pode ajudar na contrução de estratégias de comunicação de sucesso.

  • Valorize os bons momentos

Todas as relações têm fases mais complexas de ultrapassar. Poderá guardar ressentimentos de desentendimentos passados, ou então evoluir pela valorização dos momentos belos que os envolvidos partilham no presente. O Tarot pode ser um parceiro na sua identificação.

  • Ame e seja amado

O amor é o verdadeiro núcleo de qualquer relação, independentemente da sua natureza. O Tarot poderá ter um papel no entendimento de como dar e receber amor.

A consulta das lâminas é um processo transversalmente enriquecedor, sendo a harmonização das relações uma das dimensões pessoais que dela mais poderá beneficiar. Procure esclarecimento em como trazer o melhor de si para a relação, eliminar bloqueios, respeitar necessidades, trabalhar em conjunto, comunicar eficazmente, aproveitar os aspectos positivos e trocar amor, para que a sua família, amigos e colegas possam crescer em conjunto como belos seres humanos.

Viva o amor!

Deixar um comentário